Entre Dois Amores por Melhor DR e Melhor Poema

Isso é uma DR de alto nível…

Karen: Why is your freedom more important than mine?

Denys: It isn’t and and I’ve never interfered with your freedom.

Karen: No. I’m not allowed to need you. Or rely on you or expect anything from you.

I’m free to leave.But I do need you.

Denys: You don’t need me.  If I die, will you die? You don’t need me.You’re confused. You’ve mixed up need with want. You always have.

Karen: My God. In the world that you would make, there would be no love at all.

Denys: Or the best kind. The kind we wouldn’t have to prove.

Karen: You’ll be living on the moon then.

Denys: Why? Because I won’t do it your way? Are we assuming there’s one proper way to do all this? Do you think I care about Felicity? Do you think I’ll be involved with her?

Karen: No.

Denys: Then there’s no reason for this.

Karen: If she’s not important… why won’t you give it up? I have learned a thing

that you haven’t.  There are some things worth having… but they come at a price,

and I want to be one of them. I won’t allow it.

Denys: You have no idea the effect that this language has on me.

Karen: I used to think that there was nothing that you really wanted…but that’s not it, is it?

You want to have it all.

Denys: I’m going (…) and she can come or not.

Karen: Then you’ll be living elsewhere.

CLAP! CLAP! CLAP!

E tem ainda o poema (se você não viu o filme, não veja esse trecho), de A.E. Housman:

Em inglês:

“The time you won your town the race /We chaired you through the market-place; /Man and boy stood cheering by, /And home we brought you shoulder-high…

Smart lad, to slip betimes away /From fields where glory does not stay /And early though the laurel grows /It withers quicker than the rose…

Now you will not swell the rout /Of lads that wore their honours out, /Runners whom renown outran /And the name died before the man…

And round that early-laurelled head /Will flock to gaze the strengthless dead, /And find unwithered on its curls /The garland briefer than a girl’s”.

Now take back the soul of Denys George Finch Hatton, whom You have shared with us. He brought us joy…we loved him well. / He was not ours. / He was not mine.

Em português:

 “Quando o corredor entrou na cidade vencedor, nós saudamos o desfilar da sua vitória. Homens e meninos em euforia, ao carregálo para casa em ombros de alegria. Jovem inteligente, que se foi rapidamente dos campos onde a glória não dura para sempre.

E embora o louro como temporão cresce, antes de uma rosa fenece. Agora não  mais pertence ao grupo dos jovens cuja honra se acabaria. Corredores cuja fama os superara e o nome morrera antes do homem.

Os galhos de louro temporão em círculo juntar-se-ão  para a morte inerte admirar e em suas dobras encontrar incólume uma grinalda tão efêmera quanto a de uma menina”.

Agora receba de volta a alma de Denys George Finch Hatton, que conosco repartiste. Ele nos trouxe alegria. E o amamos muito. Ele não era nosso. Ele não era meu.

PS1: Meryl e Bob estavam tão lindos nesse filme, né?

PS2: Entre Dois Amores causou no Oscar, levando 7 estatuetas, incluindo melhor diretor (Sidney Pollack) e melhor filme.

One thought on “Entre Dois Amores por Melhor DR e Melhor Poema

  1. Pingback: OS INDICADOS OSCAR: Midnight Cowboy, My Fair Lady, Entre Dois Amores e Coração Valente « Cinema e TV: E os indicados são…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s