O Discurso do Rei por Melhor Descoberta

Quem acompanha esse blog não tem dúvidas de que eu torço descaradamente para o Colin Firth na corrida pelo Oscar de melhor ator.  Acho que em O Discurso do Rei ele conquista até quem não tem o coração mole como o meu.

A performance como George VI não me surpreende, mas emociona muito principalmente nessa cena:

King George VI: What are you doing? Get up! You can’t sit there! GET UP!
Lionel Logue: Why not? It’s a chair.
King George VI: No, that. It is not a chair. T-that… that is Saint Edward’s chair.
Lionel Logue: People have carved their names on it.
King George VIThat… chair… is the seat on which every king and queen has… That is the Stone of Scone you ah-are trivializing everything. You trivialize…
Lionel Logue It’s held in place by a large rock. I don’t care about how many royal arseholes have sat in this chair.
King George VI: Listen to me. *Listen to me!*
Lionel Logue: Listen to you? By what right?
King George VI: By divine right if you must, I am your king.
Lionel Logue: No you’re not, you told me so yourself. You didn’t want it. Why should I waste my time listening?
King George VI: Because I have a right to be heard. I have a voice!
Lionel LogueYes, you do.

PS1: Aqui o verdadeiro discurso do Rei George VI.

Noiva em Fuga por Melhor Descoberta, Vestido e Declaração

Mais um clássico de Julia Roberts, que repetiu a dobradinha com o Richard Gere nove anos depois de Pretty Woman.

Três motivos para ver Noiva em Fuga:

1) A descoberta de Maggie Carpenter: indecisa, ela não sabia nem como preferia seu ovo, acompanhando sempre o gosto do homem que estivesse ao seu lado. Com um empurrãozinho, Maggie descobre bem mais do que isso.

2) Dos vestidos de noiva da Maggie, o que eu mais gosto e quero para mim é aquele que ela usou na quarta tentativa de casamento (sim, com o Ike). Adoro a transparência e o movimento (como um sino!!).

3) A declaração.

Maggie Carpenter: I love you, Homer Eisenhower Graham. Will you marry me?
Ike Graham: I… I’ve got to think about this a little bit.
Maggie Carpenter: Good. I was hoping you’d say that.
Ike Graham: [laughing] You were not!
Maggie Carpenter: I was, because if you said “yes” right away, then I wouldn’t get to say this next part, and I’ve been practicing.
[Maggie sits down, clears her throat]
Maggie Carpenter: Ready?
Ike Graham: I’m listening.
Maggie Carpenter: I guarantee there’ll be tough times. I guarantee that at some point, one or both of us is going to want get out. But I also guarantee that if I don’t ask you to be mine, I’ll regret it for the rest of my life. Because I know in my heart… you’re the only one for me.

 

PS1: Você já conhece a The Gere Foundation?

PS2: Além da dupla, Noiva em Fuga tinha bons coadjuvantes: Joan Cusack, Hector Elizondo (que também trabalhou em Pretty Woman), Rita Wilson (Mrs Hanks) e Christopher Meloni, o detetive Elliot Stabler, de Law & Order SVU.

Jesus!

Casamento Grego por Melhor Descoberta

my-big-fat-greek-wedding-splash

Essa vida é mesmo cheia de mistérios…

PS1: Eu não me canso de ver a tia falando bobópsia.

PS2: O Nick, irmão mimado da Toula, solta uma frase bonita: Don’t let your past dictate who you are, but let it be part of who you will become.

PS3: Enquanto isso, a mãe tem a seguinte teoria: Let me tell you something, Toula.  The man is the head, but the woman is the neck.  And she can turn the head any way she wants.  ã? ã? ã? Sacou?

PS4: Todo mundo sabe que um dos primos é o Joey Fatone, do ‘N Sync, ex-boy band do Justin Timberlake.

PS5: Tom Hanks e a esposa Rita Wilson assinam a produção do filme. Aliás, ela também promoveu o último filme da Nia Vardalos, Falando Grego. Faz, ainda, uma pontinha como a mulher do Richard Dreyfuss.

PS6: Falando em Nia Vardalos, ela fez uma participação especial no episódio 10 ou 11 de Drop Dead Diva, uma das melhores novidades da TV a cabo. O seriado estreia na Sony somente em 16/11, mas você pode saber mais sobre essa sitcom nesta resenha da Folha ou no querido Séries é Aqui.