OS INDICADOS OSCAR: Kramer Vs Kramer por Melhor Pãe

Ronnie Von definitivamente não inventou a roda, nunca foi melhor que Roberto Carlos nem foi o primeiro Pãe do mundo.

Sim, porque Dustin Hoffman nos brindou, em 1979, com uma atuação delicada daquele que pode ser o primeiro pãe do mundo.

Pãe, caso não saiba, é aquele indivíduo que assume  as funções de pai e mãe voluntariamente ou não. No caso de Dustin, ou melhor, Ted, as circustâncias o levaram isso.

A bruxa gelada da Meryl Streep Joanna resolveu largar a família e tirar um tempo pra si mesma. Quando muda de ideia, o juiz concede a guarda da criança.

A cena em que Ted explica isso ao filho é beeem emocionante. Se é incompreensível para mim, imagine para uma criança  de seis anos em total sintonia com o seu paizão.

Kramer Vs Kramer arrebatou 5 estatuetas: melhor ator, melhor atriz, melhor diretor, melhor roteiro e melhor filme.