Frame: Quero ser Marilyn Monroe

50 anos após sua morte, Marilyn Monroe mantém-se como um grande ícone e incógnita: devassa, ingênua, infantil, drogada, gordinha, carente, atirada…ou o quê???

São essas diferentes facetas que levam fãs de todas as idades à Cinemateca Brasileira, em São Paulo, para conferir a exposição Quero ser Marilyn Monroe.

As fotos clássicas, como pin-up ou enrolada em um lençol, e os quadros de Andy Warhol, estão todas lá.

    

Assim como outras Marilyns, que serviram de inspiração para os mais diversos artistas. Eu estive lá, junto com Abelardo, e gostei muito da tela de Kim Dong-Yoo, que criou um retrato de Marilyn a partir de pixels do JFK e vice-versa; o quadro invasivo de Hinnerk Bodendieck; ou o de listras.

    

Frases memoráveis de Marilyn também estão lá.  Selecionei as melhores:

 

 

 

 

 

 

 

Dica bacana: Vá com tempo e aproveite para conhecer a própria Cinemateca, que funciona em um galpão de tijolos que abrigou, no fim do século XIX,o Matadouro Municipal de São Paulo.

Aos sábados, a uma quadra dali, tem uma feira, com duas barracas de pastéis bem concorridas. Tem coisa mais gosta e mais paulistana???

PS1: Se estiver a fim de ver um dos filmes da Marilyn em cartaz, cheque antes a programação para não perder o passeio. O espaço também promove outros filmes.

PS2: A exposição de mostra de filmes fica em cartaz somente até o1º de abril. Porntanto, corra!!!

PS3: A Cinemateca fica no Largo Senador Raul Cardoso 207 (atrás do antigo DETRAN). T: (11) 3512 6111.

Anúncios

Rio por Melhor Carnaval

Rá! Quem disse que o carnaval acabou???

 

Ziriguidum…Ziriguidum…Ziriguidum…

 

PS: Torcendo por Sergio Mendes no Oscar. É Brasil no Oscar.

GAROTO OS INDICADOS: #1 na Men’s Fitness

Obrigada, Men’s Fitness, pela graça concedida. Robert Downey Jr, que desembarca no Brasil em janeiro para o lançamento de Sherlock Holmes 2, conta um pouco sobre a sua vida, sua esposa (pitú!) e o seu treinamento.

Fonte

Promessas de um Cara de Pau por Melhor Lembrete e Melhor Campanha Eleitoral

Em tempos de eleição, vale o lembrete:

We need someone who is bigger than their speeches.

O Horário Político começou e provavelmente você já está de saco cheio de ver tanta porcaria (Pelamor!!! Diga NÃO ao Tiririca!!).

Confie em mim e veja isso:

Nenhum candidato nosso tem um currículo como Donald Greenleaf

… ou propostas como a do President Boone.

PS1: Esse filme teria sido MUITO BOM se tivesse somente 30 minutos de duração.  O problema foi ter duas horas…

PS2: Foi um dos últimos filmes de Dennis Hopper.

PS3:  Seria conveniente se algum canal passasse agora, às vésperas das eleições, esse filme, não? Podia cair a ficha em alguns Bud Johnson Brasil afora. #ficaadica

Frame: A Scena Muda e Cinearte

   

Ontem eu estive no Museu Lasar Sagall e relembrei um dos muitos projetos bacanas tocados por essa instituição.

Trata-se da Biblioteca Jenny Klabin Segall, que mantém um dos maiores acervos em Artes do Espetáculo (Cinema, Teatro, Rádio e Televisão, Dança, Ópera e Circo) e Fotografia, além da mais completa documentação sobre a vida e a obra de Lasar Segall.

Eu tenho um carinho especial por um projeto, apoiado pela Petrobras, de digitalização das primeiras revistas de cinema do Brasil, A Scena Muda e Cinearte. As publicações,  editadas semanalmente na primeira metade do século XX, foram restauradas e hoje estão  disponíveis na internet .

A Scena Muda surgiu em 1921, foi dirigida por Aureliano Machado e Renato de Castro e circulou até 1955.

Já a Cinearte foi lançada em 1926, por Adhemar Gonzaga e Mário Behring na direção e circulou até 1942.

Te dou uma dica? Acesse e divulgue online, mas não deixe de passar lá.

 Momento Catraca Livre:  visite o Museu Lasar Segall – é um dos melhores programas gratuitos de SP.

Serviço:

Museu Lasar Segall – Rua Berta 111. SP – SP – T: (11) 5572 3586.

Terça a Sábado e feriados: das 14h às 19h. Domingos, das 14h às 18h.

O Virgem de 40 Anos por Melhor Constatação

Seria uma homenagem ou uma provocação à banda de Chris Martin? Melhor perguntarem para o autor do post, Wallace Faria.

David: You know how I know you’re gay?
Cal: How? Cause you’re gay? And you can tell who other gay people are?
David: You know how I know you’re gay?
Cal: How?
David: You like Coldplay.

PS1: Hoje é o primeiro show do Coldplay no Brasil. Hoje na hoje, na praça da Apoteose, no Rio; terça, no estádio do Morumbi, em São Paulo. Mais informações aqui.

PS2: Eu acho que gosto de mais música deles do que imaginava:  In My Place, TroubleYellow, Scientist, See You Soon ,Viva La Vida

PS3:Eu gosto do Steve Carrel e do Seth Rogen, mas queria ver se eles são capazes de fazer outro tipo de personagem.