A Morte e Vida de Charlie St.Cloud por Melhor Poema

Sabe o que acontece em um feriado chuvoso? Você se desarma e acaba assumindo riscos, como assistir a um filme com o líder do High School Musical.

 

A narrativa segue bem o tom do trailer: um dramalhão quase espírita. Charlie não consegue retomar a vida após um acidente de carro que matou seu irmão mais novo. Até que ele conhece uma garota e um poema de E. E. Cummings resume tudo.

Trust your heart if the seas catch fire (and live by love though the stars walk backward)

E a tradução, segundo o Pensador:

“Confie em seu coração se os mares pegarem fogo.

E viva pelo amor mesmo que as estrelas caminhem em direção oposta.”

PS: E. E. Cummings é um dos poetas mais celebrados por Hollywood. Caso não se lembre, um outro poema do americano (I Carry Your Heart With Me) também arranca lágrimas no final de Em Seu Lugar.

PS2: Quem integra o elenco de A Morte e Vida de Charlie St.Cloud é Kim Basinger. Linda de viver e, infelizmente, muito pouco aproveitada por Hollywood.

Anúncios

Em Seu Lugar por Melhor Cocotas e Melhor Poema

In-Her-Shoes-movie-05

Baseado no livro de Jennifer Weiner, Em seu Lugar (In her shoes) reproduz com maestria um momento cocota*. E é claro que isso só foi possível graças ao talento inegável de Toni Collette.

Na cena em questão, a CDF Rose consegue um date com o colega da firma por quem é apaixonada. Enquanto o bonitão dorme, ela liga para a melhor amiga e ainda fotografa o cara deitado ao seu lugar para ninguém ter dúvidas (inclusive, ela mesma) do acontecido.

Infelizmente essa cena não está disponível no youtube (falha gravíssima dessa rede social!!). Logo, veja o trailer aqui e alugue djá a pérola!

 

*Momento cocota = a rivalidade feminina é inegável, mas nas verdadeiras amizades há também aquele delicioso momento de cumplicidade. Sorry, guys, talvez na próxima encarnação vocês entendam.

 

P.S 1: Shirley MacLane, irmã de Warren Beatty (sim, na vida real) e ex-guru (quem lembra dos best-sellers que ela escreveu?), recebeu uma indicação ao Globo de Ouro pela atuação nesse filme.

PS.2: O bonitão da história é o mesmo ator que interpreta o ex-marido de Susan Mayer, de Desperate Housewives.

PS3: É claro que um outro grande momento desse filme é a leitura do poema de E.E.Cummings.

I carry your heart with me (I carry it in my heart) I am never without it (anywhere I go you go, my dear; and whatever is done by only me is your doing, my darling). I fear no fate (for you are my fate, my sweet). I want
no world (for beautiful you are my world, my true) and it’s you are whatever a moon has always meant and whatever a sun will always sing is you.  Here is the deepest secret nobody knows (here is the root of the root and the bud of the bud and the sky of the sky of a tree called life;which grows
higher than the soul can hope or mind can hide) and this is the wonder that’s keeping the stars apart. 
I carry your heart (I carry it in my heart)

A tradução:

Carrego seu coração comigo
Eu o carrego no meu coração
Nunca estou sem ele
Onde eu for, você vai, minha querida
Não temo o destino
Você é meu destino, meu doce
Não quero o mundo pois, beleza
Você é meu mundo, minha verdade
Eis o segredo que ninguém sabe
Aqui está a raiz da raiz
O broto do broto
E o céu do céu
De uma arvore chamada vida
Que cresce mais do que a alma pode esperar
Ou a mente pode esconder
E esse é o prodígio
Que mantém as estrelas à distância
Carrego seu coração comigo
Eu o carrego no meu coração.