FRAME: As séries da HBO

Quando o primeiro episódio de The Newsroom acabou, eu só queria gritar: Aaron Sorkin, seu gênio.

O ritmo é esse mesmo do teaser: frenético, bagunçado, diálogos afiados. Ok, não é novidade. É a mesma fórmula de The West Wing, que eu amava, e A Rede Social, que eu não amei e que rendeu esse post do Abelardo.

The Newsroom estreou em 24/06 e entusiasmou mais a audiência do que a crítica. E esse é um dos motivos que vale um post nesse blog. Outro é que depois de 18 anos, corro o sério risco de olhar para o Jeff Daniels não mais como o Debi & Lóide.

   

Outra novidade é Veep, também da HBO e com a  Julia Louis-Dreyfus como protagonista.  Aqui, aliás, encontra-se um paradoxo: ela é boa atriz, mas ainda é a Old Christine – mais coordenada, mais sofisticada, mas a Old Christine.

No meu caso, isso não é problema, embora ainda aguarde que, a qualquer momento, o irmão panaca ou filho saltitante apareçam.

A boa notícia é que As Novas Aventuras de Old Christine Veep estreia em 23/07 na HBO Brasil. O debut de The Newsroom, segundo Ana Maria Bahiana, está previsto para o segundo semestre.

Ah, e antes que me esqueça, parabéns a HBO pelas produções. Clap! Clap! Clap!

PS: Os Indicados também tem página no Facebook agora. Apareça por lá.

Anúncios

A Ilha do Medo por Melhor Trailer e Melhor Dúvida

Para mim, Shutter Island é o melhor filme do ano. E tudo começou com esse trailer completamente AS-SUS-TA-DOR:

Depois de tomar coragem por semanas, lá fui eu conferir a obra-prima do Scorsese e a performance do Leo, Mark RuffaloMichelle Williams e Ben’ Gandhi’ Kingsley.

Saí do cinema com a promessa, já anunciada no twitter, de não mais chamar o Leo de menina.

Compartilho também a cara de interrogação/desespero/dúvida do Mark Ruffalo quando Teddy diz:

Which would be worse: to live as a monster or to die as a good man?

Como diria Peter Travers, da Rolling Stone, “Scorsese makes dark magic in this mesmerizing mind-bender. No one who lives and breathes movies would dream of missing it“.

PS1:  Já que esse blog virou, nessa semana, um confessionário, vou admitir que a Michelle também merece palmas. Ao contrário da Katie Holmes, ela deixou para trás a Jen, de Dawson’s Creek.

PS2: E é mãe da Matilda, filha dela com o Heath.