Forrest Gump por Melhor Inspiração

ElvisPresley_ForrestGump

Feliz Ano Novo, cinéfilos!

Resolvemos começar 2013 com uma grande história e uma grande cena. Hoje, no dia em que Elvis Presley completaria 78 anos, recordamos aquele que ensinou o rei do rock a dançar.

 

elvis_GIF

OS INDICADOS OSCAR: Forrest Gump, Gigi, Sinfonia de Paris e Gladiador

Esses filmes também ganharam o Oscar:

1995 foi o ano de Forrest Gump, ganhador de 6 estatuetas: melhor ator, diretor, efeitos visuais, edição, roteiro e filme.  Alguém ousa discordar?

O fofo Gigi, de MInelli, foi indicado a Melhor Escolha nesse blog e vencedor a 9 estatuetas no Oscar de 1958.

Em Sinfonia de Paris, Gene Kelly  pinta, borda, canta e dança tanto, que garantiu 5 estatuetas (melhor direção de arte, cinematografia, música, roteiro e filme) no Oscar de 1951. Veja as indicações que levou no blog aqui
 

Quem não morreu por Maximus Decimus Meridius, Commander of the Armies of the North, General of the Felix Legions, loyal servant to the true emperor, Marcus Aurelius; Father to a murdered son, husband to a murdered wife?  Assista aqui a essa de cena Gladiador, vencedor do Oscar de 2000 – Melhor ator, figurino, efeitos especiais, som e filme.

Forrest Gump por Melhor Mãe

Hoje é aniversário da minha mãe e eu estou toda emotiva. Resolvi, então, homenagear aquela que ensinou um dos melhores personagens de todos os tempos, Forrest Gump.

Vamos às lições de Mrs. Gump:

– You have to do the best with what God gave you.

– Remember what I told you, Forrest. You’re no different than anybody else is. Did you hear what I said, Forrest? You’re the same as everybody else. You are no different.

– Don’t you be afraid, sweetheart.  Death is just a part of life, something we’re all destined to do.

– (Forrest) Mama always had a way of explaining things so I could understand them.

(Forrest) My Mama always said you’ve got to put the past behind you before you can move on.

(Forrest) My momma always said you can tell a lot about a person by their shoes, where the go, where they’ve been. I’ve worn lots of shoes, I bet if I think about it real hard I can remember my first pair of shoes.

E a minha preferida:  

(Forrest) My momma always said, “Life was like a box of chocolates. You never know what you’re gonna get.”

PS1: A Sally Field é especialista em mães, afinal faz também a super Nora Walker.

PS2: Já tínhamos falado do Forrest em outro post. Confira aqui.

PS3: Outras curiosidades desse filme:

– É de Kurt Russell a voz de Elvis no filme.  

Forrest Gump Jr foi interpretado por Haley Joel Osment, que ainda não tinha visto pessoas mortas (Forrest Gump é de 1994 e O Sexto Sentido, de 1999).  Hoje Haley tem 22 anos, já foi preso por dirigir alcoolizado e portar maconha e ficou assim:

Forrest Gump obteve a maior bilheteria naquele ano (mundialmente).

– Forrest Gump saiu consagrado do Oscar, com 6 estatuetas: Melhor Ator, Melhor Diretor, Melhor Efeitos Visuais, Melhor Ed~ição, Melhor Roteiro e Melhor Filme.

Frame: Oscar

Então, vamos falar do Oscar. Só que, mais do apontar os meus favoritos, eu queria relembrar os grandes momentos dessa festa.

Regras do Jogo

1) Qualquer comentário é bem-vindo.

2) Coloquei aqui aqueles que lembro, que vivi e torci. E isso quer dizer que alguns clássicos, como O Poderoso Chefão e E O Vento Levou, não serão citados. (porque eu não sou tão velha assim…)

3) Os vídeos mais antigos foram desativados e você terá que ver no youtube. Como diz a Pink, Please don’t leave me.

4) Os meus critérios são completamente subjetivos. Sim, os seus também podem ser.

BEST PICTURE

Vocês sabem que meu coração pertence a Bastardos Inglórios, mas não acho que esse ano será do Tarantino.

1994, porém, foi um grande ano. Essa categoria foi apresentada por Robert De Niro e Al Pacino (eu sei: OMG! OMG! OMG!) e os concorrentes eram Forrest Gump, 4 Casamentos e 1 Funeral, Pulp Fiction (Melhor Overdose e Dança), Quiz Show e Um Sonho de Liberdade.

E o ganhador é um clássico, daqueles que a gente cita frases até hoje:

Actor in a Leading Role

Meu feeling diz que esse ano será do Jeff Bridges. A minha torcida é pelo Colin Firth (na verdade, eu só não fico feliz se o Jeremy Renner, de Guerra Ao Terror, ganhar. Nada pessoal, mas acho que pode comer um pouco mais de grama antes de levar a estatueta para casa).

Há muito tempo ele não faz um filme bom, mas tudo bem. Depois de Hannibal Lecter, Anthony Hopkins pode tudo.

Eu aposto, porém, que você se lembra do ROBERTO!

  

E ainda, na noite de homenagem ao Sidney Poitier

o Oscar (oh, I Love My Life!) do Denzel.

Actor in a Supporting Role

Dá um aperto no peito pelo Christopher Plummer, mas it’s a Bingooo. Christoph Waltz é o cara!! 

A lista de atores coadjuvantes é impressionante, mas alguém é páreo para o Coringa do Heath Ledger?

And this is for his beautiful Matilda! \o/

 Actress in a Leading Role

 Todo mundo sabe que eu amo a Meryl. E ela passou por todo o estresse pré-premiação 16 vezes e pela frustração de voltar com as mãos abanando 14 vezes.

Meryl darling, I’m sorry. Receio que essas estatísticas vão aumentar, porque eu também estou torcendo para a Sandra.

E o momento? Ah, a Julia né? Adoro Julia, adoro o sorriso, a gargalhada, a veia estourando na testa, adoro o humor, adoro o vestido, love it all!!

Evocando o passado rapidamente, um bocadinho de Audrey (ainda mais por A Princesa e O Plebeu que foi um dos primeiros posts desse blog —->veja aqui.)

Actress in a Supporting Role

Eu não vou escolher a Mo’Nique, porque eu tenho medo dela. So the Oscar goes to… Maggie Gyllenhaal!!

 E escolher uma ex-ganhadora foi difícil. Teve a Jennifer Hudson (porque eu gosto dela, gosto de Dreamgirls e gosto de American Idol),

a Catherine Zeta-Jones (que quase deu a luz na premiação) e

a Penélope.

Animated Feature Film

Eu torço por UP e o adorável Mr. Fredricksen(cuja voz é do Christopher Plummer).

 Essa categoria passou a existir em 2001 somente – tanto é que A Bela e A Fera concorreu a Melhor Filme no passado.

Directing

Tarantino, bóvio!

 E um momento marcante (e idiota, mas conveniente) foi o James Cameron gritando I’m the king of the world!

(E, se ele já se sente o rei do mundo, ele não precisa ganhar agora, certo?)

Writing (Original Screenplay)

Tarantino por Bastardos Inglórios!

 

E quem esquece dessa dupla?

Music (Original Song)

Nine! Nine! Nine!

Essa é uma das categorias que eu mais gosto e costuma nos brindar com apresentações marcantes, como a Madonna nervosa e desafinada com You Must Love (Evita),

um Aerosmith comportado (Armageddon),

a Whitney engolindo a Mariah (O Príncipe do Egito),

e Celine e Andrea Bocelli, cantando a música da animação A Espada Mágica (lembro que a Meryl chorou!! ´É, sim, de tão lindo!!).

Aliás, você pode não gostar dela, mas Celine reina no Oscar. Cantou a música de A Bela e A Fera,

 do Titanic e

de Íntimo e Pessoal.

Nesse ano (1997), ela cantou ainda I Finally Found Someone, de O Espelho Tem Duas Faces. A música é da Barbra, que se recusou a comparecer a cerimônia por não ter sido indicada a melhor atriz. Bafão!!!

Essa é a original, com Barbra e Bryan Adams.

Adooooooooooooooooooooooro!

PS1: Outro bafão, desta vez do ano passado, a Jen Aniston toda sorridente em frente ao Brad.

PS2: Tem o beijão do Adrien Brody na Halle ‘Storm’ Berry.

PS3:  o escândalo do Cuba Gooding Jr.

PS4: E aí?

Beleza Americana por Melhor Contador de História

045676_ph7_w434_h_q80

O Forrest levou a fama, mas quem sabia contar uma história era o Lester:

I had always heard your entire life flashes in front of your eyes the second before you die. First of all, that one second isn’t a second at all, it stretches on forever, like an ocean of time… For me, it was lying on my back at Boy Scout camp, watching falling stars… And yellow leaves, from the maple trees, that lined our street… Or my grandmother’s hands, and the way her skin seemed like paper… And the first time I saw my cousin Tony’s brand new Firebird… And Janie… And Janie… And… Carolyn. I guess I could be pretty pissed off about what happened to me… but it’s hard to stay mad when there’s so much beauty in the world. Sometimes I feel like I’m seeing it all at once, and it’s too much, my heart fills up like a balloon that’s about to burst… And then I remember to relax, and stop trying to hold on to it, and then it flows through me like rain and I can’t feel anything but gratitude for every single moment of my stupid little life… You have no idea what I’m talking about, I’m sure. But don’t worry… you will someday.

Não ficou convecido?

Brad Dupree: My job consists of basically masking my contempt for the assholes in charge, and, at least once a day, retiring to the men’s room so I can jerk off while I fantasize about a life that doesn’t so closely resemble Hell.” Well, you have absolutely no interest in saving yourself.
Lester Burnham: Brad, for 14 years I’ve been a whore for the advertising industry. The only way I could save myself now is if I start firebombing.

Just an ordinary guy with nothing to lose, sacou?