Quero Matar Meu Chefe por Melhor Merchandising

Quero Matar Meu Chefe foi a melhor comédia de 2011.  Na tentativa de aniquilar os chefes, os três amigos passam boa parte do filme atravessando a cidade em um Jetta. O navegador do carro é quase um 4º elemento…

…mas a melhor cena é definitivamente a que Dale, chapado, faz uma performance no banco.

PS: Vale destacar o desempenho do maravilhoso Kevin Spacey, …

…de uma indecorosa Jennifer Aniston

…e um irreconhecível Colin Farrell.

PS2: Ah, e tem ainda Jamie Foxx como Motherfucker Jones.

PS3: Veja o trailer agora.

Frame: Tarantino voltou!!!

Voltou e com um elenco daqueles: Leo Di Caprio, Samuel L Jackson, Sacha Baron Cohen, Kurt Russell, Christoph Waltz, Jamie Foxx e Don Johnson. Don Johnson, people!!!

O drama nos remete ao sul dos EUA dois anos antes da Guerra Civil.  Django Unchained é o nome do filme e do personagem principal, um escravo que se une a um alemão  caçador de recompensas na busca pelos criminosos mais procurados

Django Unchained será lançado internacionalmente pela Sony Pictures Releasing International. A estreia está prevista para 25 de dezembro de 2012 nos EUA e em 18 de janeiro de 2013 no Reino Unido.

Fonte: Coventry Telegraph.

 

Rio por Melhor Carnaval

Rá! Quem disse que o carnaval acabou???

 

Ziriguidum…Ziriguidum…Ziriguidum…

 

PS: Torcendo por Sergio Mendes no Oscar. É Brasil no Oscar.

Ray por Melhor Trailer

É claro que eu já conhecia o Ray Charles e, por isso, não tinha dúvidas de que ia gostar do filme que conta a sua história.  Não me decepcionei. A produção é belíssima e o Jamie Foxx fez por  merecer o Oscar.

Acontece que eu me apaixonei mesmo é pelo trailer. Até hoje meu coração dá uma parada no 1’40”, com os primeiros acordes de You don’t know me.

Sentiu?

PS1: Essa é defintivamente uma das minhas músicas favoritas. Vale conhecer a letra e escutar o dueto do próprio Ray Charles com a diva Diana Krall.

PS2:  Falando em Ray Charles, lembra das participações dele em The  Nanny? Ele fazia o marido da Yetta, avó da Fran.

Gerard Butler por Melhor Ator

Eu sei o que você está pensando: eu enlouqueci e estou baixando o nível.

Não, não, eu juro que não é isso, minha gente!! Vocês  já sabem que uma das “razões de viver” desse blog é corrigir injustiças. E hoje, num momento totalmente altruísta (e modesto), eu resolvi corrigir uma injustiça minha.

É isso mesmo. Há anos eu falo mal do Gerard Butler. Para mim, ele havia sido o Rei Leônidas e ponto.

Era ator de um papel só e não se dava conta disso.  Pior: estava acabado e tinha embagulhado (é isso mesmo, garotos! nós também usamos essa palavra!!).

Não me culpem!

Poxa, ele vivia envolvido em uma série de boatos, que incluiam até a Gloria Maria, e…

… foi completamente engolido pelo Jeffrey Dean Morgan aka Danny em PS Eu te amo (Ou você vai negar que pensou que o Gerry serviu pelo menos para apresentar a Holly para o talentoso William?)   

A partir daí, eu passei a ignorar todos os filmes dele – até os trailers me davam preguiça e eram utilizados para corroborar a minha tese.

Isso mudou em meados de 2009, quando, num momento de fraqueza, eu concordei em ver Código de Conduta. E juro que não foi a cena abaixo que me convenceu…

… de que o cara é bom.

Código de Conduta é um daqueles thrillers que você mal consegue respirar.

Ainda assim, eu achava que podia ser influência do Jamie Foxx e, por isso, eu aluguei no último fim de semana A Verdade Nua e Crua, que eu tinha me recusado a ver no cinema.

Posso falar?

O filme vale por ele.

É isso mesmoque você ouviu. Eu adoro a Katherine Heigl e ela tem o seu momento no filme,

mas, ainda assim, é a Izzie em todo e qualquer papel (convenhamos, gente, no Grey’s Anatomy, ela já fez papel de deprimida, doente, boba, sedutora, bacaninha…).

Mas o Mr Butler…

3 sílabas: OH-LA-LA!

PS1: Gerard Butler participou do Globo de Ouro, ao lado de Jennifer Aniston.

 PS2: Eles estão juntos em The Bounty.

PS3: Eu fiquei nude quando descobri que Gerard era o personagem principal na versão de Joel Schumacher para O Fantasma da Ópera.

PS4: Segundo O Globo (via Ego), ele passará o carnaval no Rio (Por favor, não me envergonha, Gehard. Não dê uma de JCVan Damme. Não me faça retirar todos os elogios).

PS5: Também empresta sua voz para um viking da nova animação da Dreamworks, Como Treinar o Seu Dragão.

PS6: De acordo com o Terra, estaria ainda disposto a torcer pelo Brasil na Copa da África do Sul. Simpaticão, vai? 

Taí. Gerard Butler – Melhor Ator.

Frame: Valentine’s Day

Coloque djá na sua lista de filmes aguardados.

É isso mesmo!!

Valentine’s Day tem Julia Roberts, Taylor Swift, Bradley Cooper, Jennifer Garner, Patrick Dempsey, Anne Hathaway, Jessica Alba, Ashton Kutcher, Kathy Bathes, Jamie Foxx, Eric Dane, Taylor Lautner, Shirley MacLaine e Jessica Biel.

Quer se morder mais um pouco?

Lançamento: Fevereiro de 2010.

O Solista por Melhor Encontro

the-soloist-20090327040601082_640w

Eu sabia que ia gostar desse filme logo que vi o trailer.

Além da história do Nathaniel,

o que vale mesmo é o encontro dele com o Mr. Lopez. E, convenhamos, a coragem e a sensibilidade desse último para não ficar restrito a uma boa história.

Esse encontro ele descreveu assim:

There are people who tell me I’ve helped him. Mental health experts who say that the simple act of being someone’s friend can change his brain chemistry, improve his functioning in the world. I can’t speak for Mr. Ayers in that regard. Maybe our friendship has helped him, but maybe not. I can, however, speak for myself. I can tell you that by witnessing Mr. Ayers’s courage, his humility, his faith in the power of his art, I’ve learned the dignity of being loyal to something you believe in. Of holding onto it, above all else. Of believing, without question, that it will carry you home.

Infelizmente (ou felizmente?) há muito pouca cena desse filme no Youtube. Duas me emocionaram muito: quando o Lopez entrega um cello para o Nathaniel e a emoção do sem-teto ao ouvir o ensaio da orquestra. Eu não tenho palavras para descrever.

Mas vale a pena correr para os cinemas para ver. Afinal, como diria o Nathaniel, Beauty is art; music is beauty.

PS1: O Jamie Foxx está fantástico e passa toda a paixão do personagem (o Mr. Lopez, certa vez, disse para a ex-mulher: I’ve never loved anything the way he loves music.)

PS2: Segundo o UOL Cinema, o Jamie mergulhou tanto no personagem que quase enlouqueceu.

PS3: Tá, eu falo que ele praticamente roubou a cena. Em alguns momentos, eu até esqueci que era o Robert ali.

PS4: No site oficial, papéis de parede lindos, como esse abaixo, para baixar.  

Jamie_Foxx_in_The_Soloist_Wallpaper_3_800