Flashdance por Melhor Dança

flashdance

Não, eu não estou aqui para premiar a música. Afinal, em 1983 a contribuição de Giorgio MoroderKeith Forsey  e Irene Cara para o mundo foi devidamente reconhecida tanto no Oscar quanto no Globo de Ouro.

Estou falando da dança, dos passinhos mágicos e da leveza de Jennifer Beals na cena final. Receio, porém, não fazer jus à ovação que essa cena merece!

PS1: Um clássico como esse, minha gente, só pode ser oferecido para pessoas muito  especiais – para os melhores amigos,  Zapa e Doris, pela força de todo dia (e, em especial, ontem).

PS2: Alguém já viu a ‘cara’ de Irene Cara? Cantora e atriz, ela estourou três anos antes de Flashdance, com Fame, que também tem uma música muito boa (don’t you know who I am?). Confira a performance aqui.

PS3: Vinte anos depois, J-LO  fez quase um remake de Flashdance para o clipe I’m Glad. Segundo o VH1, os produtores do clássico dos anos 80 teriam ficado impressionados com a performance dela.  Não é a mesma coisa, mas também não fez feio. O que acha?