OS INDICADOS OSCAR: Quem Quer Ser Um Milionário? por Melhor Destino

Por que se tornar milionário e ainda ficar com a  garota que gosta no final é ou não é um bom destino!?. It was written! E sem mais. Amo o filme. #prontofalei


E segue a canção vencedora da noite:

O vencedor de 2009 ganhou também em Direção, Roteiro Adaptado, Fotografia, Edição, Trilha Sonora Original, Canção Original e Mixagem de Sons.

Abs,

@abelardobarbosa

Anúncios

OS INDICADOS OSCAR: Uma Mente Brilhante por Melhor Esposa

O Russell Crowe é um chato. #prontofalei

Essa cara dele de “sou um ator foda” me irrita muito. Mas, mesmo assim, eu gosto dos filmes que ele faz. Gosto de Um Bom Ano (quero morar naquele château um dia) e gosto do vencedor do Oscar de 2002: Uma Mente Brilhante.

Mas a indicação de hoje não vai para o Russell. Vai para a eterna atriz coadjuvante Jennifer Connelly (quem lembra dela no velhíssimo Labirinto?) no papel de Melhor Esposa. Porque não basta aguentar o paranóico Nash, tem que aguentar um interpretado pelo chato do Russell Crowe. Olha que dedicada. Você também não ia querer uma esposa assim? E repara no final do vídeo como o Nash conquistou a moça. Na época achei uma boa cantada, agora acho meio breguinha. O que vocês acham?

O filme levou também Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Diretor e nossa amiga Jenny levou a estatueta por Melhor Atriz Coadjuvante.

Abs,

@abelardobarbosa

OS INDICADOS OSCAR: E O Vento Levou por Melhor Garra

Mais um ganhador do Oscar apareceu várias vezes  aqui, aqui e também aqui.  O clássico E o vento Levou recebeu a estatueta em 1940.

Na minha família, o filme alcançou três gerações de fãs: era o filme preferido da minha avó; lembro também que minha mãe assistia a obra em fita de vídeo quando eu e meus irmãos éramos pequenos. Uma das minha cenas preferidas recebe mais uma indicação hoje, Melhor Garra. Porque se a vida te deu problemas,  levanta desse chão,  come o rabanete cru e grita:

“As God is my witness, as God is my witness they’re not going to lick me. I’m going to live through this and when it’s all over, I’ll never be hungry again. No, nor any of my folk. If I have to lie, steal, cheat or kill. As God is my witness, I’ll never be hungry again.”

E o Vento Levou recebeu 13 indicações e levou 8: Melhor Filme, Melhor Atriz, Melhor Diretor, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia e Melhor Montagem.

Abs,

@abelardobarbosa


OS INDICADOS OSCAR: Amadeus por Melhor Inveja e Melhor Risada

Começamos um novo projeto. Há 25 dias do Oscar, vamos a cada dia falar o que indicamos entre os vencedores de Melhor Filme nesses 82 anos de existência do prêmio. Começamos com o vencedor do ano de 1985.  Amadeus conta a história de dois compositores: Wolfgang Amadeus Mozart e Antonio Salieri.

Salieri foi o compositor oficial da corte da Áustria e vê, na chegada do jovem e extremamente talentoso Mozart, uma ameaça a sua posição. Ele admirava o talento do adversário, mas depois começou a invejá-lo e ficar obcecado. A inveja boa, a admiração dá lugar ao desejo de destruí-lo. Por isso, Salieri, interpretado pelo ator F. Murray Abraham e o filme Amadeus  recebem nossa indicação de Melhor Inveja.

A risada de Mozat (Tom Hulce) também merece uma indicação. Não é contagiante, é daquelas que incomodam, que soam loucura. Para Salieri tem som de provocação, um estopim para implodir o ódio e inveja que ele sente pelo jovem.

Amadeus foi o grande filme de 1985 e levou mais 7 estatuetas para casa: Melhor Diretor, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Som, e Melhor Roteiro Adaptado.

Abs, @abelardobarbosa