Cinemateca OS INDICADOS: ODEON

“O quê? Você foi ao cinema?”. Essa é sempre a reação que causo.

Para mim, ir ao cinema em um outro país é também um programa cultural e, principalmente, uma oportunidade para acompanhar de perto os hábitos dos nativos.

Por exemplo, você sabia que, em Portugal, há uma pausa no meio do filme? Sim, há um intervalo, durante o qual as luzes são acendidas, todo mundo sai da sala e aproveita esses minutinhos para tomar um café ou ir ao toilette.

Os madrilenhos não tem um hábito inusitado, digamos, como os portugueses, mas até não consigo descrever a emoção que senti ao ver Volver na terra Almodóvar. Aliás, só um filme espanhol ou em castelhano merecer ser visto na Espanha, porque não existe filme legendado lá. Tom Hanks, Julia Roberts, todo mundo soa como Antonio Banderas e Penélope Cruz.

Na Inglaterra, o ingresso para o cinema é tão caro quanto no nosso Cinemark ou Kinoplex. Paga-se mais no Odeon e não é por serviços mais VIPs, como os oferecidos pelo Cidade Jardim.

O Odeon, localizado em Leicester Square, pertinho de Picadilly Circus, é o cinema das premieres. O primeiro 007 com Daniel Craig, por exemplo, estreou lá, com presença do Duque de Edinbugh e da Rainha Elizabeth II (veja notícia aqui).

Um pouco dessa história gloriosa é contada no segundo andar, ao qual você tem acesso somente após desembolsar quase 15 libras – e esse é o preço para estudante!!

A sala não tem frescura: boa poltrona, assentos marcados, lanterninha e um som que mata de susto nos primeiros segundos. Sim, de tão alto e tão bom.

O Odeon também padece do mesmo mal que as nossas redes – há um excesso de filmes publicitários, uma maneira de engordar o faturamento das cadeias e irritar os clientes.

O filme que fui ver? Bom, esse é outro post.

Serviço:

Odeon Cinemas

Construído em 1937, 24-26 Leicester Square, em Londres.

O Odeon já passou por várias mãos e pertence hoje ao Grupo UCI.

 

 

 

Anúncios

Furia de Titãs por Melhor Frase

Hoje (24/05) é aniversário do meu irmão e, como prova do meu amor, fui ver esse filme com ele. Vocês sabem que tenho um gosto eclético, mas Fúria de Titãs é um autêntico Framboesa de Ouro.

Minha gente!!!

Não tem 3D, efeitos especiais ou bons atores que ajude. Aliás, eu não incluo o Sam Worthington nessa categoria, ok? Ele só tem um rostinho bonito, bíceps torneados e uns grunhidos bem vocalizados.

Eu me referia ao Liam Neeson e ao meu marido Ralph Fiennes. Alguém consegue me explicar o que eles têm na cabeça???

 Como entraram nessa??? Não pode ser só dinheiro ou desejo por um blockbuster. Liam, já contei aqui, está no Esquadrão Classe A e  Ralph deveria estar mais do que contente em ser aquele-que-não-pode-ser-nomeado, o Voldemort. Enfim…

Vamos retomar o clima festivo, o amor fraternal e registrar que eu gostei de uma cena do filme. É aquela em que a voyeur Io diz para Perseus:

You’re not just a god or a man…you’re the best of both.

Boniiiiiiiiiiiito! Boniiiiiiiiiiiiito, minha gente!

PS1: A Io foi interpretada por Gemma Arterton

que atuou em 007 – Quantum of Solace.

Outros rostinhos conhecidos é o de Mads Mikkelsen, que assumiu o papel de Draco 

após ser vilão em Casino Royale,  

e Nicholas Hoult, o Eusebios (abaixo, na Premiere)

ou, se preferir, Will, de Um Grande Garoto.

PS2: Pasmem! Está confirmado Furia de Titãs 2. Leia mais no Cinema com Rapadura.

PS3: Esse é, na verdade, um remake. O primeiro Furia de Titãs foi lançado em 1981 e tinha  no elenco Maggie Smith e Laurence Olivier.

PS4: Sim, meu casamento com Ralph está em crise.

PS5: Parabéns, Menino!!!

Frame: Valentine’s Day

Coloque djá na sua lista de filmes aguardados.

É isso mesmo!!

Valentine’s Day tem Julia Roberts, Taylor Swift, Bradley Cooper, Jennifer Garner, Patrick Dempsey, Anne Hathaway, Jessica Alba, Ashton Kutcher, Kathy Bathes, Jamie Foxx, Eric Dane, Taylor Lautner, Shirley MacLaine e Jessica Biel.

Quer se morder mais um pouco?

Lançamento: Fevereiro de 2010.