Thor por Melhor Surpresa

(Quase?) Todos os filmes da Marvel são bons, certos?  Thor, estreia do último fim de semana, também não fica atrás. O filme agrada até quem não é fã dos quadrinhos ou quem mal conhecia a história desse super herói.

A surpresa, porém, fica por conta da direção. Quem assina Thor não é um McG da vida. Não!  É Kenneth Branagh. Sim, o Kenneth Branagh de Henrique V; de Hamlet; de Frankstein, de Mary Shelley.

    

Eu mal o imaginava como Professor Gilderoy Lockhart, em Harry Potter e a Câmera Secreta.

Imagine, então, como diretor de um herói Marvel.

Surprise! Surprise!

PS1: As fotos de Chris Hemsworth, Natalie Portman e Anthony Hopkins foram divulgadas exaustivamente. Portanto, outra surpresa foi rever Rene Russo, ainda linda de viver, como Frigga, mãe de Thor.

   

PS2:  Se ainda não viu Thor, não esqueça das cenas depois dos créditos. Vale a espera!

PS3:  Palmas também para Foo Fighters, que arrasa em Walk.

 
Anúncios

Anjos e Demônios por Melhor Cenário e Melhor Acessório

Roma sempre rouba a cena.

Cultura inútil? Sabe por que o Professor de Harvard Robert Langdon usa um relógio do Mickey Mouse?

Ele ganhou o acessório dos seus pais no seu aniversário de 9 anos. ‘Usa’ desde então para lembrar de ter calma e levar a vida menos a sério. 😉

PS1: Quem gosta de Dan Brown ou de qualquer história que remeta à maçonaria deve adquirir logo O Símbolo Perdido, novo best seller (e blockbuster) do autor de Anjos & Demônios e O Código da Vinci.