Lanterna Verde por Melhor Auto Ajuda

Ahn?

Auto Ajuda?

É isso mesmo. E se você é fã dos heróis, provavelmente seus pelos arrepiaram e seus batimentos aceleraram com qualquer associação maluca que eu possa fazer.

Não me mate!

Eu nunca escondi de ninguém que o especialista em Marvel em casa é o meu irmão, que tem uma extensa coleção de gibis e tem a paciência de me explicar “a vida real” a cada novo filme. Eu gosto de uma boa história, mas vou mais atrás mesmo é da diversão.

E isso explica por que eu gostei de Lanterna Verde e fiquei um pouco entediada com Capitão América. Mesmo sem ser 3D, o guardião é muito mais maroto.

Ok, eles poderiam ter explorado um pouco mais a vida do Hal Jordan. Concordo.

Só que aí o protagonista deveria ser outro, porque, convenhamos, esse Hal Jordan a gente já viu em outros filmes: ele tem as mesmas caras e as mesmas piadinhas do Andrew Paxton (A Proposta), Will Hayes (Três Vezes Amor) e Wade Wilson (Wolverine). Todo mundo sabe que o Ryan Reynolds é um ator limitado. Aliás, quem se lembra disso quando ele tira a camisa? Ou mesmo com aquela roupa emborrachada?

 Not me!

 

A cena que eu mais gostei do filme é aquela em que o Sinestro detona o Hal Jordan, aquele humano cheio de medinho. Para mim, soou como um belo discurso auto-ajuda. Esse trecho, infelizmente, não está disponível no youtube, mas não podia deixar de compartilhar o texto:

I fear nothing. Fear is the enemy of will. Will is what makes you take action.  Fear is what stops you and makes you weak. You must ignore your fear. When you’re afraid,  you can’t act. You can’t act, you can’t defend. You don’t defend, you die!

 

PS: Lembra do Ryan Reynolds fazendo o juramento na Comic Con? Adoro essa cena.

 

Frame: Lanterna Verde

Já viu o trailer?

PS1: E pensar que esses músculos o Ryan Reynolds

…. já foi o Berg, de Três é demais.

PS2: E, sim, eu passo mal com o Ryan Reynolds. Outro dia, andando no shopping, minhas pernas até amoleceram com a campanha da Hugo Boss.

Really?

 

PS3:   É…

PS4: Ah, sim… Você deve ter lido que o Ryan abalou o Comic-Con desse ano ao fazer o juramento do Lanterna Verde. Já viu?

In brightest day, in blackest night,
No evil shall escape my sight
Let those who worship evil’s might,
Beware my power… Green Lantern’s light!

 

PS5:  Sabe quem adoooooora esse juramento?

PS6: Amanhã mais Ryan Reynolds.

Quizz: Qual o melhor presidente dos EUA?

É justo no dia 4 de Julho, o famoso Independence Day norte-americano, votarmos no melhor presidente, certo?

Vamos aos indicados:

10. DANNY GLOVER

Em 2012, ele recusou-se a deixar a sua pátria.

9. HARRISON FORD

Em Air Force One, Mr President kicked some ass!! Ele acabou com o Gary Oldman e  outros terroristas do Cazaquistão.

8.  MORGAN FREEMAN

Em Impacto Profundo, coube a ele, com toda sua imponência, informar o mundo que o fim está logo aí.

 

7. BILLY BOB THORNTON

Em Simplesmente Amor, o presidente norte-americano nem teve chance contra o primeiro-ministro britânico do Hugh Grant e seus compatriotas Harry Potter e David Beckham.

6. BILL PULLMAN

Sim, o presidente do Bill Pullman em Independence Day também sabia pilotar caças.

5. JON VOIGHT

O pai da Angie ficou quase irreconhecível como Franklin Roosevelt em Pearl Harbor.

4.  JACK NICHOLSON

Não é (ou é?) piada. Ele também enfrentou ETs, só que em Marte Ataca! 

3.  MICHAEL DOUGLAS

Só há um Meu Querido Presidente.

2. JOHN TRAVOLTA

Segredos do Poder não emplacou, mas não há como negar que o Travolta ficou a cara do Bill Clinton, né?

1. NDA

Nenhuma das alternativas. 😦

Eu já escolhi o meu presidente. E vc? Vote djá!!!

Alta Fidelidade por Melhor Mania

O que eu mais gosto nesse filme? A mania de fazer listas.

Top five things I miss about Laura:  1 – Sense of humor. Very dry, but it can also be warm and forgiving. And she’s got one of the best all time laughs in the history of all time laughs, she laughs with her entire body.  2-  she’s got character. Or at least she had character before the Ian nightmare. She’s loyal and honest, and she doesn’t even take it out on people when she’s having a bad day. That’s character. 3 – miss her smell, and the way she tastes. It’s a mystery of human chemistry and I don’t understand it, some people, as far as their senses are concerned, just feel like home. 4 – I really dig how she walks around. It’s like she doesn’t care how she looks or what she projects and it’s not that she doesn’t care it’s just, she’s not affected I guess, and that gives her grace. And 5; she does this thing in bed when she can’t get to sleep, she kinda half moans and then rubs her feet together an equal number of times… it just kills me. Believe me, I mean, I could do a top five things about her that drive me crazy but it’s just your garden variety women you know, schizo stuff and that’s the kind of thing that got me here.

E não é só uma mania. Tem todo o cuidado por trás (The making of a great compilation tape, like breaking up, is hard to do and takes ages longer than it might seem. You gotta kick off with a killer, to grab attention.  Then you got to take it up a notch, but you don’t wanna blow your wad, so then you got to cool it off a notch. There are a lot of rules)  e o indescritível prazer de dividir isso com os amigos:

PS1: Esse post é dedicado aos bons amigos e a todas as listas que a gente já fez em uma mesa de bar.

PS2: Eu gosto mais do Nick Hornby na telona do que nos livros. #prontofalei.

PS3: Nada de citar o slogan de Tostines. Daqui pra frente é Alta Fidelidade: What came first, the music or the misery? People worry about kids playing with guns, or watching violent videos, that some sort of culture of violence will take them over. Nobody worries about kids listening to thousands, literally thousands of songs about heartbreak, rejection, pain, misery and loss. Did I listen to pop music because I was miserable? Or was I miserable because I listened to pop music? 
 

PS4: O Jack pode cantar, mas eu ainda sinto vergonha alheia.

PS4: Quem viu o último American Idol pôde acompanhar a ‘performance’ do Jack com a Gladys Knight, Ben Stiller e o #1 (que, como sempre, roubou a cena né?) para promover Trovão Tropical.