Frame: Os Filmes de 2011

É, é, é!!  Eu estou trabalhando duro nesse fim de ano!!

Assim como em 2010,  montei uma agenda com os filmes que serão lançados no ano que vem. Muita coisa boa, viu?

Atenção:

1) As datas de lançamento SEMPRE podem mudar.

2)  Além dos trailers, não deixe de visitar a página oficial dos filmes.

3)  Por favor, deixe um comentário nesse post caso saiba de algum outro filme não contemplado aqui.

Vamos lá:

JANEIRO

07/01 – Além da Vida (filme de Clint Eastwood)

14/01 – O Turista

14/01 – Amor e Outras Drogas

14/01 – As Viagens de Gulliver

21/01 – O Discurso do Rei

21/01 – Bravura Indômita (dos irmãos Coen)

21/01 – A Minha Versão Para o Amor

21/01 – Burlesque

28/01 – Um Lugar Qualquer

FEVEREIRO

04/02 – Cisne Negro

04/02 – Como Você Sabe

11/02 – O Vencedor

18/02 – 127 Horas

18/02 – Trabalho Interno (The Secretariat)

18/02 – Rabbit Hole

25/02 – Sexo Sem Compromisso

25/02 – Bruna Surfistinha

25/02 – O Besouro Verde

MARÇO

04/03 – Lope, do Andrucha

04/03 – RANGO

18/03 – A Águia

18/03 – Não Me Abandone Jamais

25/03 – A Tempestade

ABRIL

01/04 – Os Agentes do Destino

08/04 – RIO

08/04 – Conspiração Xangai

08/04 – Código Fonte

15/04 – Esposa de Mentirinha

15/04 – Pânico 4

15/04 – Água para Elefantes

21/04 – A Garota da Capa Vermelha

29/04 – THOR

MAIO

20/05 – Piratas do Caribe 4

Padre (data em aberto)

JUNHO

03/06 – Kung Fu Panda 2

03/06 – X-Men First Class

17/06 – Lanterna Verde

24/06 – Carros 2

JULHO

01/07 – A Árvore da Vida

01/07 – Transformers 3

15/07 – Harry Potter e As Relíquias da Morte – Parte II

 

29/07 – Capitão América

AGOSTO

12/08 – Cowboys & Aliens

Os Smurfs (data em aberto)


SETEMBRO

30/09 – Amigos com Benefícios

NOVEMBRO

Amanhecer – Parte 1 (a primeira parte do último livro de Stephanie Meyer)


NOVEMBRO

Happy Feet 2 (data em aberto)

The Greatest Muppet Movie Ever Made (data em aberto)

DEZEMBRO

16/12 – Missão Impossível IV

Outros filmes com estreia prevista para 2011 são:

O Assassino em Mim

Something Borrowed – filme mulherzinha, baseado no romance Emily Giffin


E aí? Gostou? Sabe de algum outro filme? Comente djá!

Anúncios

Frame: Que bela capa!

não?

 

PS1:  O Vencedor recebeu várias indicações ao SAG e Globo de Ouro. É também um dos favoritos ao Oscar. Confira o motivo:

Frame: Boardwalk Empire

 

Eu já falei aqui sobre o casamento TV + cinema. Alguns filmes feitos para a TV até já ganharam indicações (exemplos aqui e aqui). Os leitores desse blog e/ou seguidores do twitter já devem ter notado também que eu adoro séries.

Logo, fiquei muito entusiasmada quando a HBO me convidou para o lançamento de Boardwalk Empire, que estreia hoje às 22h.  O canal vem investindo (e surpreendendo) em  bons roteiros, produções  e nomes de peso, que, se não roubam a cena, já começam a causar inveja em Hollywood. 

 Spielberg e Tom Hanks foram os primeiros e, ao que tudo indica, estão empolgados com a parceria.

       

Claire Danes e Al Pacino também não tem do que reclamar.

   

 E agora Martin Scorsese quem é se rende ao clube HBO.

 

Em  Boardwalk Empire – O Império do Contrabando, ele recria os Estados Unidos da década de 20, logo após a 1ª Guerra Mundial e em plena Lei Seca. E é na figura do carismático Nucky  Thompson que ele encontra a oportunidade ideal  para apresentar, mais uma vez, o curioso e sedutor (sub)mundo da máfia.

Quem interpreta o político e líder do contrabando de bebidas é  Steve Buscemi. Mas o elenco conta ainda com Michael Pitt, Stephen Graham e Michael Shannon.

     

Por trás de toda essa galera,  estão Terence Winter e Mark Wahlberg, respectivamente criador e produtor da série.

 Tá bom ou quer mais?

PS1: Boardwalk Empire – O Império do Contrabando foi visto por 4,8 milhões de pessoas em sua estreia nos EUA.  É o piloto mais visto da HBO.

PS2: Luiz Carlos Merten revela que um dos segredos da HBO está na liberdade dada aos responsáveis pelas produções. “O próprio diretor de alguma forma repetiu seu colega Mike Nichols ao dizer que, na HBO, se faz hoje o cinema mais livre da América. Em Hollywood, os executivos dos estúdios controlam cada centímetro de tela e um autor tem de brigar tanto com eles que nem tem tempo para se dedicar aos projeto como deveria. Na HBO, definido e aprovado o orçamento, a carta é branca e o corte, final“. Leia a crítica completa no Estadão.

PS3: Ana Maria Bahiana, que já viu (mais de) seis dos 13 episódios da série, cravou em seu blog que  BE é, como Sopranos, um trabalho que vai estabelecer um novo padrão para a produção em TV“.  Recomendo o post.

PS3: A série dividiu a crítica americana. Caiu nas graças do LA Times, mas foi detonada pela New Yorker, que  pegou pesado com o elenco – principalmente, Buscemi. Cravou ainda “Boardwalk Empire should be much more fun to watch“. Ouch! (leia mais aqui).

PS4: Eu vou ver hoje e vc?